Este artigo ira abordar assuntos e fatos que podem estar ocorrendo dentro da sua marmoraria, fique atendo e arquitete as mudanças necessárias.

Ausência de áreas restritas

Controle de acesso nada mais é do que toda a aplicação de procedimentos ou equipamentos que ofereçam total gerência sobre permitir ou não a entrada de pessoas, veículos e mercadorias na sua marmoraria. Sua principal função é assegurar que todas as pessoas estejam em um ambiente tranquilo e seguro. Afinal, se não houvesse o controle de acesso na marmoraria, uma pessoa mal-intencionada teria mais facilidade para entrar e cometer algum delito, ou até mesmo olhando por outro lado, algum funcionário na sua ausência se retire e abandone a produção.

Má Gestão

A sua competência e profissionalismo deve ser o reflexo dos seus funcionários, ou seja, o alicerce da sua marmoraria é você, se não está interessado ou se dedicando na sua empresa a consequência é que os seus funcionários terão os mesmos resultados.
Tenha confiança em si mesmo e saiba que pode melhorar sua liderança.

Aqui vai algumas dicas para você melhorar sua postura com líder:
Equilíbrio emocional, comunicação e objetividade são essenciais;

Diante de situações difíceis, mantenha o equilíbrio emocional e reflita sobre as soluções, tirando o foco do problema.
Existem diversas competências que um líder dever ter. Porém, uma das mais importantes é a habilidade de se comunicar.
Um líder deve saber controlar o tempo das reuniões, tornando-as mais eficazes. Para isso, definida as metas, promova as ações e seja objetivo.

Manter a Equipe Unida;

Para manter uma equipe unida é fundamental ter uma relação profissional saudável, permitindo a descontração e o comprometimento na dose certa.
Em um momento de grande tensão, procure manter a calma para não perder a razão. A paciência é uma grande habilidade de um líder.
Se a sua equipe não cumpriu prazos, analise os pontos que prejudicaram o trabalho e identifique o que pode ser aprimorado.

Ser uma pessoa de palavra;

Planejamento é tudo! Antes de iniciar um trabalho, organize-se, trace um plano e estabeleça uma data de entrega.
O que fazer diante de prazo curto? Analise os possíveis riscos e seja prudente. Nunca se comprometa com prazos que não podem ser cumpridos.
O trabalho de um líder reflete diretamente no desempenho da equipe. Portanto, é preciso encarar os desafios diários de forma construtiva.

 

 

Materiais de má qualidade

Você já deve ter ouvido aquele ditado: “O barato pode sair caro”. E não é à toa que ele se tornou tão conhecido. Descuidar na hora de comprar materiais de qualidade quando o assunto é marmoraria e construção é pedir para dar dores de cabeça as seus clientes e sujar o nome da sua empresa.

Avalie onde é possível economizar e onde é realmente necessário investir um pouco mais. Construir ou reformar são processos estressantes para seus clientes — e você não vai querer ser o alvo de suas criticas porque usou materiais ruins. Então opte por aquilo que melhor atenderá suas necessidades e expectativas e não esqueça de comprar em uma loja de confiança.

Má Supervisão

montar marmoraria

No artigo  “O segredo n° 1 das marmorarias de sucesso” abordei um assunto polemico sobre confiança. De uma olhadinha!
Nele ressaltei que para a marmoraria ter sucesso profissional é necessário ter ao seu lado pessoas de confiança e que respeitam a sua liderança, o supervisor deve ser uma das engrenagens principais da sua marmoraria, pois é ele que na sua ausência se encarregará de continuar com a excelência da produção.
Um homem que não está feliz ou não respeita a sua palavra final é uma rachadura pronta a ruir.

Analise os seguintes fatos:
– O supervisor tem liderança e o respeito dos funcionários?  –Para ser sincero… se ele for o mais querido de todos, algo está errado!
– Na sua ausência, a produção diária cai uma grande porcentagem?
– As reclamações são constantes?
– Ele está satisfeito com o trabalho?

Falta de Manutenção

Dê uma pausa e avalie cada maquina dentro da sua marmoraria, máquinas possuem manutenções preventivas ao longo dos anos e é essencial que você fique antenado com cada uma delas.
Imagine pegar um contrato de um prédio de 60 andares e as principais maquinas para sua marmoraria pararem?
Então pense no futuro e pesquise com seu fornecedor de máquinas quais são as peças que mais se desgastam com o tempo e como explorar a vida útil delas com a máxima eficiência!

Faça essas perguntas a você mesmo:

Cumpro com minhas promessas de entrega?
Meu material é de qualidade?
Minha marmoraria é vista como profissional?
O feedback dos meus clientes são positivos?

Batalhe para que todas as respostas sejam “SIM“.

Má organização do espaço fisico

Uma marmoraria onde o espaço físico foi mal distribuído resultará na perda de tempo da produção e consequentemente nas entregas.
Estude o fluxo da sua empresa, qual a sequencia dos cortes e acabamentos? Quanto tempo demora para levar a chapa do estoque para a máquina? Apos os cortes quais os processos mais demorados para finalização?
Mudar as posições dos equipamentos ou até mesmo os funcionários pode agilizar a produção.
Existem marmoristas que utilizam mesas de roletes para movimentar as peças cortadas até outras máquinas e setores, com isso o tempo de produção diminuiu em até 30%.